E se a heterossexualidade fosse tratada como a homossexualidade?

E se imaginássemos um mundo onde a heterossexualidade era a minoria. Um mundo onde eram embutidas as relações LGBTQ+, seja pela religião como por outros motivos. Um mundo onde as relações heterossexuais eram consideradas pecaminosas, sendo puníveis com sentença de morte. Um mundo onde heterossexuais tiveram que lutar perante a lei para virem eventualmente a ser considerados “legais” como se de uma droga se tratasse. Um mundo onde te perguntavam ” Desde quando soubeste que eras hétero”. Como te sentias se o sentimentos que sentes pela outra pessoas (do sexo oposto) não fossem aceites e fossem tratados como uma fase. Como te sentias se tivesses que sair do armário como heterossexual?

sair_do_armario

Este é o mundo na perspetiva de Todrick Hall no projeto “Forbidden”. Um mundo onde tudo está invertido, colocando problemas sociais de um ponto de vista incomum, um musical que chega a tratar assuntos como a homossexualidade, o racismo,  a traição e a maldicência. É sem duvida um projeto que merece ser visto, vai deixar qualquer um a pensar!

Agora imagina um mundo onde realmente exista igualdade não apenas aceitação, um mundo onde “descriminação” não existe no dicionário. É nesse mundo que deveríamos de estar a habitar. Cada pessoa tem um tempo de vida mínimo neste planeta, vais querer vivê-lo com amor, ou a causar dor nos outros?

TARGARYENSON

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s